Encontro
"Elas Radicais" realizam evento em prol de Maria Flor
Por Célia Silva em 20/01/18
 
O Movimento Elas Radicais, criado e mantido por meio das redes sociais desde 2013, lançou uma campanha para ajudar no tratamento da pequena Maria Flor, de um ano e meio, contra leucemia. No próximo dia 28, haverá no estacionamento da Cinelândia, na Passarela do Caranguejo, orla de Atalaia, a 3ª edição e a primeira em Sergipe, do encontro Elas Radicais. Quem participar, estará contribuindo com a causa.
 
Meninas em prol de Maria Flor
Divulgação
 
 
 

O encontro é voltado às mulheres que amam esportes e terá treinamento funcional, bate papo com nutricionista esportiva, piquenique, sorteios de kits promocionais, e, claro, muito esporte. A música ficará por conta da DJ Anny Brito.

Até o dia 20, a inscrição custa R$ 15 e do dia 21 ao 27, R$ 20 e no dia 28, R$ 25. Todo o dinheiro arrecadado irá para custear o tratamento da filha de um surfista sergipano, Cláudio Mecenas, que está em São Paulo acompanhando o tratamento de Maria Flor

Para se inscrever, é só ir no Haiti Estética/Vita derme, na avenida Hermes fontes, número 65, ou na Connection Surf, na avenida Santos DumonT, número 1027, na Atalaia.

A criadora do Movimento e organizadora do encontro, Chayenne Dantas Fernandes, disse que os encontros sempre foram gratuitos. Este, excepcionalmente, será cobrado um valor para ajudar no drama que a família de Cláudio Mecenas vem atravessando.

O primeiro Encontro Elas Radicais aconteceu em abril de 2014. O segundo foi em novembro deste mesmo ano, na cidade de Salvador (BA). Essa será a primeira vez que ocorrerá em Sergipe, diz Chayenne, uma estudante de publicidade que mora em Aracaju e que decidiu usar as redes sociais para reunir mulheres esportistas. Hoje, o grupo tem 38 mil seguidores e mais de 78 mil fotos de todo o mundo.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Veja também:
 
 
 
 
 
 
 
Mais Notícias